Começamos a jogar Pokémon Go

Publicado em Cotidiano
Começamos a jogar Pokémon Go

Pokémon faz parte da minha vida há muitos anos. Lá em 1998, eu acho, já passava horas assistindo o desenho, jogando e colecionando tudo que envolvesse Pikachu e companhia – tazos, figurinhas, miniaturas e pokébolas que vinham no guaraná, revistas, camisetas, jogos de videogames, etc. A febre era no mundo todo, só se falava em Pokémon. Eu só não imaginava que quase duas décadas depois, em 2016, essa febre voltaria.

Hoje é o terceiro dia em que Pokémon Go, o novo jogo da Nintendo/Niantic, está funcionando no Brasil. Depois de um mês esperando que o jogo saísse no país, finalmente todo mundo está podendo jogar. E todos que conhecemos estão insanos caçando pokémons.

Até mesmo eu e a Bia – exímios sedentários que passam o dia inteiro assistindo Netflix – estamos surpresos com a nossa disposição. Se até hoje nada fez com que a gente saísse de casa pra caminhar e ser um pouco mais saudável, Pokémon Go fez com que isso fosse instantâneo. Em dois dias e meio, já caminhamos mais de dez quilômetros atrás de pokémons raros pra nossa coleção. A perna tá doendo, mas olha, o resultado é recompensador! Hahaha!

O mais legal é que durante esses dias, vimos todo tipo de gente na rua saindo pra jogar, desde jovens e crianças empolgadas até pessoas muito mais velhas tentando entender como funciona o jogo. Tem gente saindo pra capturar a noite depois do trabalho e tem aqueles espertinhos que saem de carro pra ficar mais fácil de achar pokémons. Nós inclusive já pegamos alguns dentro do Uber e no ônibus voltando pra casa.

Não sabemos quanto tempo essa febre vai durar, mas tenho certeza que está realizando o sonho de muitas crianças dos anos 2000 que agora podem sair nas ruas para serem mestres Pokémon. Estamos andando mais, capturando mais e interagindo mais, porque o que não faltam são pessoas nas ruas atrás de novos pokémons.

Dá uma olhada nesses vídeos de pessoas jogando Pokémon Go, tá todo mundo maluco!

Vaporeon no Central Park

Acharam um Vaporeon, um pokémon raro, no Central Park em Nova York. Centenas de pessoas estavam tentando capturar ao mesmo tempo.

Justin Bieber invisível

Aqui, dá pra ver até o Justin Bieber jogando Pokémon Go. O mais impressionante é que todo mundo ignorou ele completamente.

10 histórias bizarras de Pokémon Go

Nesse vídeo do UOL Jogos, tem uma coleção de fatos bizarros ao redor do mundo com jogadores de Pokémon. Tem desde neozelandesas de caiaque até pokéstops em departamento policial.

One thought on “Começamos a jogar Pokémon Go

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *